Digite abaixo o que você procura

O que é necessário para automatizar uma residência?

7 de maio de 2021

Contar com uma casa inteligente oferece diversos benefícios, que variam desde conforto, auxílio e agilidade para realizar tarefas cotidianas, como também uma maior proteção e segurança aos bens e pessoas que vivem no local. No entanto, muitos indivíduos ainda não sabem como automatizar as suas residências.  

Caso você queira aproveitar tudo o que a tecnologia pode oferecer para te ajudar no seu dia a dia, mas não tem ideia do por onde começar, este artigo é para você. Vamos te mostrar o que é preciso para tornar a sua residência um lar mais inteligente e tecnológico.

Ideia nova, mas nem tanto

Muitas pessoas pensam que automação residencial é uma ideia nova, que surgiu nos últimos anos graças aos avanços tecnológicos que estamos presenciando em nossa sociedade. No entanto, este conceito surgiu décadas atrás, com o termo “Casa Inteligente” passando a ser utilizado nos anos 80.

No entanto, conforme o nosso mundo passou a se tornar mais conectado através da internet, e com o desenvolvimento de produtos que possuem a tecnologia IoT (Internet das Coisas), este mercado passou a oferecer cada vez mais benefícios e opções para os consumidores, que passaram a ter mais interesse em automatizar os seus lares.

O que é automação e porque você deveria buscá-la

A automação pode ser definida como a ideia de que aparelhos possam realizar tarefas sem que seja necessária uma interferência humana. Com isso, é possível programar estes dispositivos para que eles trabalhem para você, sem que seja necessário o seu desempenho ou acompanhamento contínuo para que determinada atividade seja realizada.

Atualmente, diversas tarefas do nosso cotidiano, muitas realizadas em nossos lares, já podem ser totalmente automatizadas. Elas variam desde tarefas simples como desligar e ligar luzes e aparelhos eletrônicos, até ações que proporcionam mais segurança, como sensores inteligentes, trancas e fechaduras automáticas e câmeras de vídeo.

o-que-precisa-para-automatizar-residencia

À primeira vista, essas tarefas podem parecer muito fáceis de serem executadas, mas se livrar delas na sua rotina pode fazer você economizar tempo para fazer o que realmente é importante. Por que ir de cômodo em cômodo para desligar as luzes, se com apenas um comando de voz, isso é possível? Por que perder tempo toda vez que for sair de casa se certificando que as portas estão fechadas, se uma fechadura inteligente pode fazer isso por você?

Porém, para contar com todos esses benefícios, é preciso ter um sistema de automação residencial, e aparelhos inteligentes que possam fazer uma conexão entre si. Graças a IoT, produtos como lâmpadas, ar-condicionado, TVs e câmeras podem ser controlados por um único dispositivo, como um aplicativo no seu celular ou um assistente virtual físico.

Como automatizar a sua residência

A seguir, vamos dar algumas dicas para que você possa automatizar a sua casa, fazendo com que os aparelhos contidos nela possam trazer mais conforto e segurança para a sua vida.

Faça um bom planejamento 

Antes de sair procurando os melhores produtos inteligentes, é importante avaliar algumas questões. Cada casa possui um espaço físico diferente, e com isso, as possibilidades de automação podem aumentar ou diminuir. Isso pode ser determinado pela internet e rede disponíveis no local, a fiação e até mesmo a quantidade de cabos e tomadas que cada cômodo do imóvel possui.

Não será possível, por exemplo, colocar diversas lâmpadas inteligentes no seu quarto se ele só tiver a estrutura para plugar uma luminária. Assim como a sua cozinha não irá suportar diversos aparelhos se ela tiver poucas tomadas. Além disso, os dispositivos terão dificuldade de se comunicar entre si se a sua rede wi-fi for ruim.

Caso você esteja construindo ou reformando a sua casa, veja com os responsáveis pela obra a melhor maneira para que a estrutura do local já esteja apta a receber produtos inteligentes da melhor maneira possível.

Defina suas prioridades

É importante, antes de automatizar uma casa, saber o porquê você deseja fazer isso. Apesar de ser possível encontrar diversos produtos inteligentes por um ótimo custo-benefício, esses itens tendem a ser mais caros do que os produtos normais.

Devido a isso, tornar a sua residência uma casa inteligente exige investimento. Defina quanto você está disposto a gastar, e quais são suas prioridades. Se no seu caso, for entretenimento, invista em sistemas de sons e TVs que possuam IoT.

Agora, se você pretende deixar o seu lar mais seguro, procure câmeras, sensores de movimentação e fechaduras eletrônicas. Mas, se você quer conforto e praticidade, invista em lâmpadas e termostatos que podem ser utilizados apenas com comandos de voz.

Conte com um bom assistente virtual

O assistente virtual será o item mais importante no processo de automatização da sua residência. Afinal, é através dele que todos os produtos inteligentes irão se comunicar e que você conseguirá programar comandos.

Existem atualmente diversas opções no mercado, alguns sendo apenas softwares e outros produtos físicos. Escolha o modelo que mais se encaixe no seu gosto ou orçamento, para depois procurar os produtos que sejam compatíveis com este assistente.

Pesquise os melhores produtos disponíveis

Busque mais informações, recomendações e especificações técnicas dos produtos inteligentes que você deseja comprar. Isso irá evitar que você invista em aparelhos que não atendam às suas expectativas.

Conheça os produtos da Positivo Casa Inteligente. A empresa oferece uma boa gama de opções para os seus consumidores com um ótimo custo benefício. Além disso, estão disponíveis kits que podem atender as suas prioridades na hora de automatizar a sua residência.

Links: Blog Positivo Casa Inteligente, Quero Automação, B2Home