Digite abaixo o que você procura

Qual a diferença de Lúmens e Watts?

26 de maio de 2021

Durante muitos anos, nós nos acostumamos à ideia de comprar lâmpadas baseados apenas no número de Watts que vem estampado no rótulo do produto. Mas e se nós disséssemos para você que esse número não mostra, de fato, o quanto uma lâmpada é capaz de iluminar a sua casa? Existem outras informações, como os Lúmens, que podem ajudar você a escolher o modelo de forma mais precisa. 

Por isso, vamos mostrar exatamente o que significam os valores em Watts e Lúmens, quais as diferenças entre essas duas unidades e como elas podem impactar a iluminação e o seu consumo de energia. Confira!

O que são Watts?

Apesar de ser muito utilizado quando falamos de iluminação, o valor em Watts não tem relação direta com o quanto uma lâmpada ou luminária é capaz de iluminar.  O Watt (W) é uma unidade de medida de potência. Esse valor nos informa o consumo de energia de um dispositivo eletrônico, seja ele uma lâmpada, um notebook, um chuveiro elétrico, entre tantos outros. 

O valor em Watts é o resultado da multiplicação entre a tensão (V) e a corrente (A). 

Entendendo o que são os Lúmens

O lúmen é uma unidade de medida que nos diz exatamente qual é o fluxo luminoso de uma fonte de iluminação. Em termos mais simples, o número de lúmens indica a quantidade de luz visível ao olho humano que é emitida por uma fonte de luz, como uma lâmpada, por exemplo. 

A unidade de medida do lúmen é expressa pela sigla “Lm”, segundo o Sistema Internacional de Unidades (SI). Quanto mais alto for o valor em lúmens, mais a lâmpada iluminará o ambiente. 

Como veremos mais adiante, há uma série de recomendações de órgãos internacionais e da própria Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) que nos dizem qual a quantidade de luz ideal para cada ambiente. Essas recomendações são tabeladas utilizando a unidade Lux (Lx), que nada mais é do que a quantidade de lúmens por metro quadrado. 

Qual a diferença entre lúmens e Watts

Recapitulando, a unidade de Watts é a potência da lâmpada e nos diz o quanto ela consome de energia, enquanto a medida em lúmens informa o quanto uma lâmpada é capaz de iluminar. 

lumens-watts-diferenca

A confusão entre Lúmens e Watts existe porque durante muito tempo compramos lâmpadas apenas baseados na quantidade de Watts informada. Isso ocorreu porque tínhamos apenas lâmpadas do tipo incandescente (de filamento), uma tecnologia mais antiga, de alto consumo energético. Desde então, passamos por várias mudanças na tecnologia de lâmpadas. Tivemos lâmpadas fluorescentes e halógenas, até chegarmos nas luzes de LED que conhecemos hoje. 

Com cada mudança, houve um salto considerável na eficiência e na durabilidade dessas lâmpadas. Por essa razão, você vê muitas das fabricantes trabalhando com a chamada tabela de equivalência de potência, ou com frases como “uma lâmpada de LED de 9W equivale a uma de 70W incandescentes”, por exemplo. 

Na prática, elas iluminam em uma intensidade muito próxima, embora essa informação seja mostrada de verdade pela quantidade de lúmens. 

E os Lúmens por Watt?

Tendo a quantidade de lúmens e o consumo em Watts, basta dividir o primeiro valor pelo segundo para obter o rendimento luminoso, expresso pela unidade Lm/W. Ele informa a eficiência da lâmpada. Quanto mais alto o rendimento, menos energia o equipamento consome para produzir uma determinada quantidade de luz visível. 

Vale a pena comparar essas informações ao fazer as compras. O impacto pode ser significativo para a sua conta de luz!

Como escolher a lâmpada correta para sua casa?

Cada ambiente possui uma função diferente, seja na sua casa ou no trabalho. Para espaços em que é necessária concentração (escritórios, salas de estudo), é indicada uma quantidade de luz maior. Já na sala de estar e nos quartos, a recomendação é baixar a intensidade da iluminação para promover o relaxamento e o conforto visual. 

Aqui no Brasil, nós temos a Norma Brasileira 5413 (NBR-5413) da ABNT. Ela traz uma tabela de referência completa para cada cômodo, tanto de ambientes comerciais quanto residenciais. Basta verificar os valores dela e procurar por valores de lúmens ou lux similares na hora de comprar as peças de iluminação. Assim você não corre o risco de errar!

Para acessar a NBR-5413, clique neste link.

Tem uma opção mais fácil?

Se você não tem certeza de quanto quer iluminar um ambiente, uma ótima alternativa é apostar nas lâmpadas inteligentes de LED. Além de terem baixíssimo consumo de energia, elas podem ser personalizadas de acordo com a sua preferência, a qualquer instante. 

Com as lâmpadas inteligentes de LED, você pode escolher entre diversas intensidades de luz e cores diferentes, tudo pela tela do celular. Outra vantagem é o acionamento remoto ou programado, que evita o desperdício de energia. 

Agora que você já sabe a diferença entre Lúmens e Watts, aproveite para saber mais sobre a iluminação adequada de cada ambiente. É só clicar neste link